Argentina: 100 mil matrizes gerenciadas pelas tecnologias Agriness

Argentina: 100 mil matrizes gerenciadas pelas tecnologias Agriness

Carta pública de Everton Gubert, sócio fundador e Diretor de Inovação da Agriness, dirigida a Luis Wilmar Mieth, presidente da COFRA (Cooperativa Frigorífica L. N. Alem Ltda), da província de Misiones, Argentina.

 

 “Senhor Luis, escrevo esse texto em nome de cada colaborador da Agriness com um propósito bastante específico.  Todos nós queremos dizer ao senhor e a cada pessoa da sua equipe MUITO OBRIGADO.

Este ano a Agriness obteve uma grande conquista e vocês não só fazem parte desta conquista, como também são responsáveis por ela: ultrapassamos o número de 100 mil matrizes gerenciadas pelas tecnologias da Agriness na Argentina.

Hoje, ao alcançar essa marca, não podemos deixar de lembrar e reconhecer que tudo começou com o voto de confiança da COFRA em nossa empresa. Gostaria de lembrar também que vocês fazem parte da nossa história não só porque são os nossos primeiros clientes na Argentina. Vocês são também o nosso primeiro cliente internacional.

Além disso, muito mais que cliente, vocês se transformaram em verdadeiros parceiros de jornada e contribuíram com o desenvolvimento da nossa empresa e das nossas soluções, por exemplo, através de inúmeros feedbacks de melhoria do nosso software de gestão Agriness S2.

Uma história de sucesso só é possível quando encontramos pessoas que acreditam em nós. Muito obrigado pela confiança, pela parceria, pela amizade e, especialmente, por acreditarem em nosso potencial.

Definitivamente vocês fazem parte da nossa história e temos muito orgulho de estar ao lado de vocês até hoje e poder contribuir com a COFRA para que ela seja ainda melhor todos os dias.

Por tudo isso, fica aqui o nosso abraço e a nossa gratidão ao senhor e a cada pessoa que trabalha nesta linda e próspera empresa. ”

Everton Gubert

 

SOBRE A COFRA

Desde 1989 a COFRA implementa um sistema de produção agroindustrial integrado, vinculando a produção primária (grãos, suínos e bovinos) com a produção industrial (alimentos balanceados, abate de suínos e bovinos, cortes frescos, embutidos e produtos de origem animal) e sua posterior comercialização. A estrutura atual da cooperativa conta com 3 unidades produtoras de leitões com 1560 matrizes ativas, 90 produtores que realizam creche e terminação, 500 matrizes integradas de outros produtores e 1 frigorífico de ciclo completo.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *